sábado, 31 de outubro de 2015

Fotos Noturnas em Santos

Foto: Edson Leguth
A fotografia noturna é mesmo encantadora e nossa cidade ajuda bastante nesse tema.  Aquele brilho na imagem ou o rastro bem definido de luz dá um toque especial à foto.  Não é difícil fotografar a noite, você só precisa saber de alguns detalhes, uma das grandes dificuldades é a parte mais técnica. Embora cada situação seja única, confira algumas dicas para ajudar a registrar este momento melhor:
  
Foto: Alexandre Andreazzi
Foto: Marcos Comune

1. Levar TRIPÉ
Fotos noturnas normalmente exigem tempos longos de exposição e sem uma tripé fica difícil.

2. VELOCIDADE baixa
Configure para velocidade baixas, brinque com velocidades diferentes para ver novos resultados.






3. ABERTURA fechada
Aberturas mais fechadas (como f/16 ou f/22) permitem exposições mais longas e, consequentemente, conseguimos registrar movimentos de forma interessante.
Em fotos noturnas a abertura menor também permite que os pontinhos de luz tenham a forma de estrelas. 

Foto: Dorigley Ferreira




4. ISO baixo
Quanto menor o iso (exemplo 100 ou 200), menos ruído você terá na imagem.

5. FOCO manual
Use o liveview (tela LCD) da câmera e dê zoom para focar manualmente. Normalmente é mais fácil focar em pontos de luz do que em outras áreas. O foco automático nesses casos não é confiável.


Foto: Nilo Piccoli




6. TEMPORIZADOR 
Sua câmera já está no tripé, você já definiu Velocidade (Obturador), Abertura (Diafragma), ISO, onde deseja o foco… Só falta clicar, mas a fotografia pode ficar borrada se você não tem um cabo disparador?
Não tem problema, você pode deixar no "timer" de 2 segundos ligado, assim pode clicar que a câmera estará imóvel do início ao fim do movimento da cortina.


Foto: Leandro Lemes

Chuva!
Ela costuma ser uma péssima notícia, mas para fotos noturnas ela é bem vinda. Já notou que na maioria das cenas noturnas dos filmes as calçadas estão molhadas? É que a água reflete a luz, logo a chuva nos ajuda a deixar a cena mais bem iluminada e interessante. Só não esqueça do guarda chuva.

Invente!
Agora que você já tem uma ideia de como aproveitar ao máximo as noites santistas para fotografar, que tal arriscar de alguma forma diferente?  Combine com amigos, em grupo sempre é mais divertido e seguro.

Foto: Laura Pèdrido
Para ver as fotos ampliadas só clicar  em cima

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu Melhor comentário aqui...