terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Santos terá a 2ª maior queima de fogos do país

Foto 2014 - Dorigley Ferreira
Foto 2014 - Edson Leguth
A tradicional queima de fogos terá 22 toneladas de fogos, ficando atrás apenas do Rio de Janeiros. Ao todo, ocorrerão 35 mil disparos de bombas de alto, médio e baixo calibre, em um show com duração de 17 minutos. Em relação ao ano passado, serão utilizadas duas balsas a mais. No total, 12 embarcações abrigarão os fogos. Elas estarão distribuídas ao longo de 5 km de extensão da orla, com distância de 300 metros entre elas.

Assim como na edição do ano passado, o show pirotécnico será acompanhado de trilha sonora especial e trará, com muitas cores, figuras geométricas lembrando as famosas muretas de Santos. Também haverá momentos sequenciais de explosões, fogos aquáticos em formato de flor, cascata e giroscópio, além de bombas de alto calibre que mudarão de tonalidade.
Foto: Laura Pedrido

Cada ponto de disparo terá quatro toneladas de infraestrutura. Ao todo, para suportar os fogos, 48 toneladas de estruturas estarão nas embarcações. Tudo para garantir a segurança. Os 12 pirotécnicos e profissionais da área naval da organização utilizarão rebocadores, lanchas rápidas, caminhões munck, empilhadeiras e sete carretas.
Foto Gonzaga 2015: Marcos Comune


quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

O Natal na Igreja Coração de Maria!

Até o dia 3 de janeiro o Natal no Coração visa resgatar ao Natal o seu sentido original: recordar a todos que nesta noite Jesus, o filho de Deus, veio ao nosso mundo e se fez homem como nós, recordando assim os valores que essa noite nos evoca: a amizade, a alegria, a esperança, a fé, a religiosidade, o amor. Para tal, a Paróquia do Imaculado Coração de Maria se mobiliza, desde então, para dar uma boa estrutura e visibilidade a esse evento, como forma de evangelização também de promover a cultura em nosso município, e conta com a generosa colaboração da comunidade santista e de parceiros que viabilizem esse projeto.

Viva o Natal e emocione seu coração!

sábado, 28 de novembro de 2015

Saturnino de Brito e os canais de Santos


Foto: Nilo Piccoli
foto: Ilza Joaquim
Foto: Flavia Gomes
 

No final do século XIX, Santos era uma cidade doente: epidemias, endemias e todo o vocabulário relativo a doenças contagiosas tinha vez nesta terra, por conta dos mosquitos que proliferavam nos extensos pântanos onde hoje fica a Zona Leste (Campo Grande, Macuco, Ponta da Praia, por exemplo) e se encarregavam de transmitir doenças trazidas pelos tripulantes dos inúmeros navios que aportavam no ainda não construído cais santista.

Sujeira, lixo, fezes de animais, cocheiras infectas, o clima quente e úmido, contribuíam para a insalubridade da região e para que, a cada instante, uma doença transmissível matasse até metade da população, ou afugentasse todos os que tivessem a oportunidade de sair dessa urbe. O Centro deixava de ser a zona de luxo, surgindo a tendência do deslocamento populacional para a Vila Nova e logo depois, para as praias, onde o clima era melhor. Entre 1890 e 1899, dos nossos 50 mil habitantes, 22 mil pessoas morreram. Foi nessa época que começaram a ser delineados os projetos urbanísticos de Santos, destacando-se então o trabalho do engenheiro sanitarista Francisco Saturnino Rodrigues de Brito. Vindo do Rio de Janeiro, o engenheiro sanitarista pôs fim ao problema do saneamento básico na Cidade de Santos.

Foto: Alexandre Andreazzi
Foto: Adriano Azevedo

Foto: Marcos Comune

De 1905 a 1912, Saturnino de Brito desenvolveu o programa de saneamento, baseado no princípio de separar as águas de rios e córregos das do esgoto. O Canal 1 foi o primeiro a ser inaugurado em 1907, tendo apenas um pequeno trecho no bairro do Paquetá. Em 1910, ele foi completado e foi aberto também o 2. O 6 veio em 1919, o 3 e o 4 em 1923 e o 5 em 1927.

Na verdade, o projeto de Saturnino de Brito inclui a construção de um total de nove canais superficiais (os seis da orla, aquele próximo ao Orquidário, o da Rua Moura Ribeiro, no Marapé, e outro da Rua Francisco Manoel, no Jabaquara). Ainda tem os subterrâneos, entre eles, um na Rua Brás Cubas, no Centro. A Prefeitura completou o sistema de drenagem com os canais 7 (1968), o do final da Avenida Afonso Pena e o da Jovino de Melo, na Zona Noroeste. O que quer dizer que, só de Saturnino de Brito, herdamos nove canais superficiais e, do Poder Público ganhamos três. A olhos vistos são 12 em toda a Cidade.

Foto: Alexandre Andreazzi

Foto: Marcos Cabaleiro

Foto: André Jaconi

Foto: Laura Pedrido

Foto: Nilo Piccoli

sábado, 21 de novembro de 2015

Bondes de Santos

Foto: Laura Pedrido
Com saídas da Praça Mauá, cinco bondes e um reboque circulam pelas principais ruas e edifícios do Centro Histórico, proporcionando uma verdadeira viagem ao passado, em um roteiro de 5 km. Há paradas para desembarque/embarque no Outeiro de Santa Catarina, marco da fundação da Vila de Santos, e no Palácio Saturnino de Brito, sede da Sabesp – deste ponto também é possível chegar ao Complexo Turístico do Monte Serrat, em cujo topo se tem uma visão de 360 graus da cidade. Ao todo, o passeio percorre 40 pontos de interesse turístico e histórico, com acompanhamento de guias de turismo.
Foto: Rubens Carvalho
Embarque: Estação Buck Jones, na Praça Mauá -Centro Histórico
Tel: (55  13) 3201-8000, Disk Tour 0800 17 38 87
Funciona de terça a domingo, das 11h às 17h (Última saída. Venda até 30 minutos antes do encerramento)
Equipamento com acessibilidade para portadores de necessidades especiais


Foto: Dorigley Ferreira

Funcionamento - Bonde regular:
Terça a sexta, das 11h às 17h (saídas a cada hora)
Sábados, domingos e feriados, das 11h às 17h (saídas a cada 30 minutos)
Roteiro: Saída Praça Mauá / Praça Rui Barbosa / Palácio Saturnino de Brito / Monte Serrat / Praça José Bonifácio / Rua General Câmara / Praça Mauá / Rua do Comércio / Valongo / Praça Barão do Rio Branco / Praça da República / Casa do Trem Bélico / Outeiro de Santa Catarina / Rua General Câmara / Retorno Praça Mauá. Duração de 40 minutos.

Foto: Bruno Scarpa

Funcionamento - Bonde Café:
Quinta e sexta, saídas às 14h30, 15h30, 16h30.
Sábados, domingos e feriados, das 11h20 às 16h20 (saídas a cada hora)
Roteiro: Saída Praça Mauá / Rua do Comércio / Valongo / Praça Barão do Rio Branco / Praça da República / Casa do Trem Bélico / Outeiro de Santa Catarina / Rua General Câmara / Retorno Praça Mauá. Duração de 25 minutos.


Valor: R$6, de acordo com o decreto nº 6871. Isenções para crianças de até 5 anos no colo, guias de turismo a trabalho (acompanhados de grupo) e professores. Meia tarifa para maiores de 60 anos e estudantes





Foto: Alexandre Andreazzi

Foto: Marcus Cabaleiro

Foto: Murilo Taddei

Foto: Nilo Piccoli

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Iluminação de Natal na Pinacoteca de Santos

A Pinacoteca Benedicto Calixto foi decorada com enfeites natalinos doados. A população doou enfeites que não serão devolvidos ao fim da temporada.

O objetivo do projeto é aproximar a população ao museu. O projeto de decoração desse ano tem o apoio da designer floral Pupy Zogaib, das designers de interiores Carla Paulino e Daniela Ali e da empresa Menoti Engenharia. Estes profissionais doaram o seu trabalho e o material de base, e cada pessoa levou de casa um enfeite da sua própria coleção para decorar o casarão.

A decoração da Pinacoteca Benedicto Calixto foi inaugurada no dia 21 de novembro, dando início aos eventos que fazem parte da 11ª edição do projeto ‘Aleluia, é Natal!’

sábado, 14 de novembro de 2015

Pontos de doações vítimas de Mariana (MG) na Baixada Santista

Santos
Fundo Social de Solidariedade de Santos - Avenida Conselheiro Nébias, 388, 8 às 18 horas
Codevida - Av. Nossa Senhora de Fátima, 375,8h às 16 horas
ONG Defesa da Vida Animal - R. Almirante Tamandaré, 136, Macuco, 9 às 12 horas
NR Sports - Av. Dona Ana Costa, 56, Vila Matias
Loja Elleven - Rua Timbiras, 02, Gonzaga





Praia Grande
Instituto Neymar Jr. - Av. Min. Marcos Freire, 2112, Jardim Gloria

Itanhaém
Grupo Pedal Noturno
Elétrica Ramiro - Rua Antonio Sobral, 46
Floricultura Anny, Praça Carlos Botelho, 213, Centro, ao lado da Igreja Matriz.
Os alimentos serão entregues em Mariana (MG) no dia 15 de novembro.

Guarujá
Fundo Social de Solidariedade de Guarujá - Rua Cavalheiro Nami Jafet, 549, Centro, 8 às 17 horas

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Teatro Municipal Braz Cubas reaberto após reformas

Fechado para reformas desde julho de 2014, o Teatro Municipal Braz Cubas em Santos, será reaberto para o público na hoje, quinta-feira (12), às 20h.

A Aplauso Cia. de Dança sobe ao palco do Teatro Municipal Braz Cubas (TMBC) para apresentar ‘Santos de Frente para o Mundo’. O espetáculo sobre o cotidiano santista marca a reabertura do espaço, após periodo de reforma que, entre outras melhorias, resultou em novo sistema de refrigeração, substituição da estrutura de equipamentos cênicos e adequações de segurança. A cerimônia de reinauguração acontece às 19h30. A programação da noite tem entrada gratuita.

O espetáculo de reestreia do teatro tem direção e coreografia de Luciana Raccini e Sueli Cherbino. Conta também com escultura de areia de Gilson de Mello Barros, iluminação de André Leahun e edição de som e imagem de Natan Brith.

Plínio Marcos

Já no final de semana, será apresentada a peça ‘Abajur Lilás’. Adaptação do texto de Plínio Marcos, traz aos tempos atuais a história das prostitutas Dilma, Célia e Leninha, que são exploradas por Giro, dono da pensão em que a trama se desenvolve.

Sob a direção de Tanah Côrrea traz no elenco Nuno Leal Maia, Orleyd Faya, Rosane Paulo, Monica Camilla e Felipe Dias. Os ingressos custam de R$ 5,00 a R$ 20,00. Antecipados, estão disponíveis para compra na Coordenaria de Teatros da Secretaria Municipal de Cultura (Secult) até sexta-feira (13).

Serviço

Teatro Municipal Braz Cubas
Av. Pinheiro Machado, 48 - Vila Mathias

domingo, 8 de novembro de 2015

Cidade de Santos é a Melhor

Foto: Adriano Azevedo
Saiu o ranking das 100 melhores cidades grandes brasileiras pra se viver, e Santos foi eleita a primeira!

A pesquisa é da consultoria Delta&Finance/América Economia.

Ao todo, foram analisadas 77 características de cada uma das mais de 5,5 mil cidades brasileiras.

Foram levados em consideração:
  •     Qualidade de vida
  •     Saúde
  •     Educação
  •     Segurança pública
  •     Saneamento básico
  •     Economia e
  •     Governança, entre outros fatores
Foto: Alexandre Andreazzi


           Ranking/ 10 melhores
                                                                 Cidades               /    notas

                                                          Santos/SP                       56,13
                                                          Belo Horizonte/MG       55,77
                                                          Jundiaí/SP                      55,03
                                                          Blumenau/SC                54,18
                                                          Campinas/SP                 53,95
                                                          São Bernardo C./SP       53,85
                                                          Mogi das Cruzes/SP      53,15
                                                          Mauá/SP                        53,14
                                                          Curitiba/PR                   52,88
                                                          Santo André/SP             52,77

Foto: Flavia Gomes
Veja aqui se sua cidade está no ranking das 100 mais.

LINK de todas as cidades


sábado, 7 de novembro de 2015

Esportes ao ar livre em Santos

Foto: Ilza Joaquim
Santos é muito propícia à prática de esportes ao ar livre, quase uma academia a céu aberto. A cidade é plana e a praia é o cenário principal, mas não o único. Há esportes para todos os gostos: corrida, natação, ciclismo (lembrando que Santos faz parte do circuito internacional de triathlon), vôlei de praia, futvolei, futebol de areia, beach tennis, frescobol... E o tamboréu? Coisa nossa! 

Foto: Alexandre Andreazzi

Surf,  canoa havaiana, caiaque, SUP (stand up paddle)... Há quem goste do mar, há quem goste do ar: na vizinha S. Vicente, do Morro do Voturuá, conhecido também como Morro da Asa Delta, decolam aqueles que gostam de voar e de admirar a bela orla das cidades-irmãs bem lá do alto.

Foto: Luiz Otávio Tatá
Ginástica  é muito bom, seja nas aulas públicas oferecidas pela Prefeitura, seja nas aulas ministradas nas tendas das Assessorias Esportivas que se espalham  ao longo da faixa de areia. Para quem prefere treinar sozinho, há equipamentos públicos na orla.

Foto: Marcos Comune
Fora do circuito praia, há o downhill no Monte Serrat, ciclistas descendo as escadarias em uma velocidade alucinante, adrenalina pura transmitida ao vivo pela TV.  Os skatistas também fazem bonito nas pistas existentes na cidade. Enfim, entre estas e outras opções, só não vale ficar parado!
Em homenagem à veia esportista de Santos, o  tema fotográfico escolhido para esta semana é  “esportes ao ar livre”. Confiram e curtam aqui as fotos dos fotógrafos do grupo Melhor de Santos.

 Por Ilza Joaquim.
Foto: Ilza Joaquim
foto: Bruno Scarpa
Foto: Luiz Alexandre Costa Araújo
Foto: Adriano Azevedo

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Encantos em Santos nas Lentes de Berenice Kauffmann Abud

Fotógrafa consagrada, Berenice Kauffmann Abud, ou Berê Abud, como é carinhosamente apelidada pelos mais próximos, é uma referência, respeitada por seu olhar diferenciado. 

A família dela trabalhou muitos anos na parte comercial da fotografia em Santos, com loja no Centro da cidade, e depois no Gonzaga,. Filha de Boris Kauffmann, grande incentivador do fotoclubismo na região, um dos fundadores em 1947 do Santos Foto Clube, e depois em 1969, do atual fotoclube da cidade , o Clube Foto Amigos de Santos. Ela não se interessa pelo lado comercial das fotos, enxerga a fotografia como uma arte. Atualmente, ministra cursos, contribuindo com a formação de diversos fotógrafos. Fez o prefácio do Livro Melhor de Santos, que estará pronto ainda este mês.

Bacia do Mercado

Caminhada beira-mar

Foto premiada no 2º Concurso da Fundação Cultural do Exercito Brasileiro/RJ em 2013

Pergola do Boqueirão

Rua XV de Novembro

terça-feira, 3 de novembro de 2015

Chegada Papai Noel em Santos



Shopping:                    Dia                           Hora:

Pátio Iporanga            7/11/15   Sábado         19h    (Com Neve)
   
Praiamar                     8/11/15   Domingo      18h

Parque Balneário      15/11/15   Sábado         20h   (Com desfile)
     
Miramar                   21/11/15   Sábado         18h
   
Super Centro            28/11/15   Sábado         17h  

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Canoa Havaiana em Santos e no Brasil

Organização, dispiciplina e descontração, são algumas das qualidades da Canoa Havaiana. Esporte ganha novos adeptos em Santos. São seis pessoas remando, concentradas, cada uma com sua função dentro da equipe, ao grito de “Hip Holl”... troca...


Exercícios, contato com a natureza e a mitologia do Havaí. São estes três ingredientes que fazem da canoa havaiana uma das novidades mais procuradas por aqueles que gostam de fazer atividades físicas ao ar livre.


Esporte de aventura, momentos de lazer, trabalho em equipe, experiência junto à natureza e no mar.



Na Ponta da Praia, em Santos, temos o Canoa Brasil, que organiza cursos, oferecendo opções para os canoístas profissionais e os de fim-de-semana, muitos vindos de São Paulo e interior somente para as aulas.




Além da Canoa Brasil há também mais três bases de ensino e treino em Santos: Núcleo Poseidon, Nai Noa e Rapa Nui.

"Outrigger canoe" 

sábado, 31 de outubro de 2015

Fotos Noturnas em Santos

Foto: Edson Leguth
A fotografia noturna é mesmo encantadora e nossa cidade ajuda bastante nesse tema.  Aquele brilho na imagem ou o rastro bem definido de luz dá um toque especial à foto.  Não é difícil fotografar a noite, você só precisa saber de alguns detalhes, uma das grandes dificuldades é a parte mais técnica. Embora cada situação seja única, confira algumas dicas para ajudar a registrar este momento melhor:
  
Foto: Alexandre Andreazzi
Foto: Marcos Comune

1. Levar TRIPÉ
Fotos noturnas normalmente exigem tempos longos de exposição e sem uma tripé fica difícil.

2. VELOCIDADE baixa
Configure para velocidade baixas, brinque com velocidades diferentes para ver novos resultados.






3. ABERTURA fechada
Aberturas mais fechadas (como f/16 ou f/22) permitem exposições mais longas e, consequentemente, conseguimos registrar movimentos de forma interessante.
Em fotos noturnas a abertura menor também permite que os pontinhos de luz tenham a forma de estrelas. 

Foto: Dorigley Ferreira




4. ISO baixo
Quanto menor o iso (exemplo 100 ou 200), menos ruído você terá na imagem.

5. FOCO manual
Use o liveview (tela LCD) da câmera e dê zoom para focar manualmente. Normalmente é mais fácil focar em pontos de luz do que em outras áreas. O foco automático nesses casos não é confiável.


Foto: Nilo Piccoli




6. TEMPORIZADOR 
Sua câmera já está no tripé, você já definiu Velocidade (Obturador), Abertura (Diafragma), ISO, onde deseja o foco… Só falta clicar, mas a fotografia pode ficar borrada se você não tem um cabo disparador?
Não tem problema, você pode deixar no "timer" de 2 segundos ligado, assim pode clicar que a câmera estará imóvel do início ao fim do movimento da cortina.


Foto: Leandro Lemes

Chuva!
Ela costuma ser uma péssima notícia, mas para fotos noturnas ela é bem vinda. Já notou que na maioria das cenas noturnas dos filmes as calçadas estão molhadas? É que a água reflete a luz, logo a chuva nos ajuda a deixar a cena mais bem iluminada e interessante. Só não esqueça do guarda chuva.

Invente!
Agora que você já tem uma ideia de como aproveitar ao máximo as noites santistas para fotografar, que tal arriscar de alguma forma diferente?  Combine com amigos, em grupo sempre é mais divertido e seguro.

Foto: Laura Pèdrido
Para ver as fotos ampliadas só clicar  em cima