quarta-feira, 13 de junho de 2012

Bairro do Marapé completa hoje 58 anos

 O nome foi dado pelos índios que chamavam o bairro de Perabé, que significa “Caminho do Mar”. Numa mistura de tupi-guarani com português, passou de Perabé a Marapé. O bairro tem mais de 23 mil habitantes e é rico em tradições como: o Bonde 37, os times de futebol de várzea e o bloco carnavalesco Dengosas do Marapé.

O bairro foi contemplado recentemente pela prefeitura com ciclovia no canal 1, recuperação de calçadas e acessibilidade, além do asfaltamento de diversas ruas. 


Embora preserve vários chalés, tem como características importantes instituições e empreendimentos. A Igreja São Judas Tadeu, Memorial Necrópole Ecumênica, inscrita no ‘Guinness Book’ (Livro dos Recordes) como o cemitério mais alto do mundo, e o maior reservatório de água potável da América Latina encravado nos morros Santa Tereza-Voturuá, com capacidade para 110 milhões de litros, são os principais exemplos. 

Ali também estão a escola de samba União Imperial, Ouro Verde e o Clube do Curió. O bairro conta com quatro escolas (José da Costa Barbosa, Alcides Lobo Viana, Olavo Bilac, Ayrton Senna e Creche Padre Francisco Leite) e uma UBS (Unidade Básica de Saúde).

1 comentários:

Anônimo disse...

valeu ajudou muito

Postar um comentário

Deixe seu Melhor comentário aqui...